Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal

UHE São Roque

A UHE São Roque é o principal ativo da Nova Engevix Participações S.A. e está sendo implantada no rio Canoas entre os municípios de Vargem e São José do Cerrito – aproximadamente 320 Km de Florianópolis, capital do estado de Santa Catarina. Com potência instalada de 141,9MW, a UHE São Roque será responsável por um salto no crescimento e desenvolvimento da região.
A Engevix é a responsável pela construção através do contrato na modalidade EPC, incluindo o projeto básico, projeto executivo, aquisições, subestações, linha de transmissão, montagem e comissionamento dos equipamentos eletromecânicos.
A UHE São Roque integrou o Leilão nº 7/2011, promovido pela ANEEL e realizado em 20 de dezembro de 2011. O Contrato de Concessão nº 01/2012 foi assinado em 20 de agosto de 2012, com prazo de 35 anos;
As obras foram iniciadas em novembro/2013 e estão temporariamente paralisadas. O grupo não está medindo esforços em busca da solução financeira para a retomada das atividades.
Apesar desta paralização, a obra está sendo continuamente preservada e acompanhada por engenheiros e técnicos especializados, com dedicação exclusiva à UHE São Roque.
O avanço físico está em 78,6% e a geração anual será de aproximadamente 800 gigawatts-hora (GW/h), o suficiente para atender, por exemplo, aos consumidores residenciais das quatro cidades mais populosas do Estado de Santa Catarina: Joinville, Florianópolis, Blumenau e Chapecó.
 
Características Técnicas:
Projeto Básico Aprovado através do Despacho ANEEL n° 4.747 de 09/12/2014.
 
Potência Instalada:
141,9 MW
     » 3 Turbinas Francis – Andritz – 47,3 MW
     » 3 Geradores – Weg – 52.560 KVA
     » Queda de Referência – 48,6 m
     » Garantia Física – 91,3 MW médios
Vazão de Projeto QMP:
13.174 m³/s
Área do Reservatório:
 45,77 Km²
Nível Máximo Operacional:
760 m
Nível Mínimo Operacional:
746 m
Casa de Força:
Semi-abrigada
Vertedouro:
Soleira Livre – 390m
Conduto Forçado:
3 condutos independentes
Comprimento: 62 m
Diâmetro: 4,65 m
Tomada D´Água
Gravidade Aliviada – 3 vãos
Desvio do Rio:
4 adufas de desvio com dimensões de 4,0 x 8,5m localizadas abaixo da barragem de CCR
Barragem:
Concreto Compactado com Rolo – CCR e Enrocamento com Núcleo de Argila
Altura Máxima de 67,75 m
Sistema Hidráulico de Geração:
Tomada d´água, Conduto Forçado, Casa de Força e Canal de Fuga
Margem direita do Rio Canoas
Conexão:
SE Abdon Batista 500/230kV
Linha de Transmissão:
230 kV - 27,6 km
 

Arranjo Geral

A barragem da UHE São Roque está sendo executada em CCR (Concreto Compactado a Rolo) e Enrocamento com Núcleo de Argila. Tem aproximadamente 860 metros de extensão e altura máxima de 67,75 metros. O Vertedouro é do tipo não controlado de superfície livre incorporado à barragem. Possui 390 m de comprimento.

O sistema de adução é composto por tomada d’água incorporada na barragem de CCR, na margem direita, com três blocos. A tomada d’água é precedida por um canal de adução de aproximadamente 40 m de comprimento. A jusante da tomada d’água seguem três condutos forçados, um para cada unidade, com comprimento médio de 63 m.

O desvio do rio foi realizado através de quatro adufas no corpo da barragem construídas no leito do rio junto à margem direita. Cada uma das adufas terá abertura de 8,50 m de altura e 4,00 m de largura.

A casa de força é do tipo semi-abrigada com 53,25 m de comprimento, composta por quatro blocos contíguos e independentes, em concreto armado. A partir do lado direito encontram-se os blocos da Casa de Força onde estão sendo instaladas as três unidades geradoras (turbinas Francis Vertical), e mais um bloco destinado à sala de bombas de esgotamento, um poço de drenagem e uma sala de bombas de drenagem com as instalações específicas.